Compartilhar esta página

HISTÓRIA DE SUCESSO
LAUBER SEED FARMS, EUA

A empresa Lauber Seed Farms é um fornecedor de grão de milho híbrido irrigado de alta qualidade. Localizada na cidade de Geneva, estado de Nebraska, sua terra fértil esta acima do manancial Ogallala, um dos maiores mananciais naturais de base rochosa do Mundo. Isto assegura uma produção constante de grãos de milho independentemente da quantidade de chuva.

Como parte do esforço de melhora contínua, a Lauber Seed Farms formou uma visão de inovação e entrou em uma parceria com a TOMRA Sorting Food, tendo instalado uma série de equipamentos de classificação automática para os productos de grão para semente.

27 abril 2017

Desde o ano 1939, e a traves de quatro gerações, a família Lauber tem se focado no desenvolvimento de produção grão para sementes, tendo começado com o nome “Lauber Blue Valley Hybrids.” A utilização de técnicas inovadoras e práticas de agicultura sustentáveis ha rendido mais de 75 anos de grão para semente híbrido com alta integridade genética e qualidade excepcional. A fazenda possui quase 200 anos de experiência combinada na produção de grão de milho híbrido.

O Sr. Brad Lauber, Diretor Presidente da Lauber Seed Farms diz: “Estamos muito orgulhosos de poder fornecer produtos e serviços superiores e de facil utilização para nossos clientes, os fazenderos Americanos.”

A Lauber Seed Farms não só produz grão de milho híbrido, mais também condicionamento de soja de tudos tipos. A família Lauber trabalha entre 16 e 20 horas por dia, sete dias por semana durante a alta temporada.

“Somos uma empresa familiar dedicada a produção de grão de milho híbrido. Enquanto a maioria das empresas relacionadas com a agricultura são beneficiadas pelas parcerias com as grandes multinacionais, Lauber Seed Farms tem podido utilizar sua estrutura mais flexível para aperfeiçoar seus processos específicos de produção criando eficiências e qualidade que não são possíveis em maiores escalas. Este é o princípio que nos tem mantido no mercado por varias gerações,” explica o Sr. Brad Lauber.

“Cada semente é um organismo vivo. Na Lauber Seed Farms plantamos cada semente como se fosse uma unidade individual e não utilizamos nossas fazendas como simples campos de milho. Nossas fazendas são viveiros de sementes que ajudan aos fazenderos Americano a alimentar o Mundo. Reconhecemos a importância da cronologia no processo de crescimento. A nossa operação esta projetada para trabalhar com o equipa- mento mais apropriado, o pessoal treinado e procedimentos que nos colocam prontos para trabalhar em qualquer tipo de condições,” adiciona o Sr. Brad Lauber.

REDUÇÃO DE MÃO DE OBRA E EFICIÊNCIAS

Antes da instalação das máquinas classificadoras ZEA da TOMRA, Lauber Seed Farms utilizaba mão de obra humana para classificar pele, material contaminante, espigas com doenças, fungo e matéria inerte. Mais, como qualquer outra empresa, teve que confrontar os problemas associados com mão de obra humana, como limitações de quantidade de pessoal qualificado nas areas ruráis, disponibilidade e poder achar mão de obra para trabalhar finais de semana e noites durante a alta temporada. A familía Lauber visitou a feira ASTA em Chicago para pesquisar soluções ao respeito.

“Durante um período de cinco anos e depois de ter conversado com vários funcionarios da TOMRA, inicialmente não estavamos interessados nos benefícios da classificadora de cámera superior com classificação dupla, ja que não inspecionava os dois lados da espiga de milho, o que não era suficiente para nossos padrões de qualidade, nem para a redução de mão de obra que desejavamos para justificar o investimento em automação. Contudo, a tecnologia manteve nosso interesse nos equipamentos,” diz Brad Lauber.

Em uma outra feira da ASTA, Brad Lauber perguntou aos funcionários da TOMRA se era possível adicionar uma segunda cámera colocada na parte inferior para poder examinar os dois lados da espiga ao mesmo tempo. Ficamos contentes de saber de que uma versão do equipamento com dois cámeras estava sendo instalada na América do Sul. Ao mesmo tempo, os engenheiros da TOMRA estavão desenvolvendo uma opção para um terceiro canal de rejeição para maximizar a eficiência de classificação e redução de mão de obra. Acreditamos que este tipo de sistema atenderia nossos padrões de qualidade y tomamos a decisão de adquirir as classificadoras ZEA da,” explica Brad Lauber.

“Contratavamos entre 60 e 70 pessoas para classificar o milho. Com a máquina TOMRA, só precisamos de 4. Isso é uma melhoria fantástica.” (Brad Lauber, Diretor Presidente da Lauber Seed Farms)


A classificadora óptica ZEA da TOMRA com cámeras nas partes superiores e inferiores e classificação tripla foi a primeira máquina deste tipo no mercado norteamericano de grão de milho para semente. Os classifcadores foram instalados para a safra do ano 2015 só precisando mínimas mudanças na linha, o que simplificou o processo.

Segundo ao Sr. Brad Lauber: “Ficamos muito animados e felizes com a implemantação das novas classificadoras automáticas para espigas de milho ZEA 64.2.3 da TOMRA em nossa operação. Tem sido especialmente significativo que a qualidade no processo de classificação pode ser mantida com sucesso ao mesmo tempo que optimizamos a eificiência de tuda nossa operação de safra em muitas maneiras.”

Como acontece em muitas instalações de equipamento, durante os primeiros dias, a Lauber Seed Farms enfrentou desafios.
“TOMRA foi muito atenciosa e respondeu eficiêntemente em oferecer pessoal especializado para nos ajudar com os pequenos problemas que tivemos.”
“Poder ter a abilidade de coleitar as espigas de milho durante as horários de pico resultou em uma poupança de entre 2 e 5 bushels (70 a 176 L) de perda de safra, dependendo das condições. Este foi um fator adicional sumamente importante.”

“A classificadora Zea reduziou meu tempo de classificação. Temos 36% maior eficiência comparado com clasificadores humanos." (Brad Lauber, Diretor Presidente da Lauber Seed Farms)


“Primeiramente, a safra de espiga de milho para semente requer coordenação precisa. As operações de campo que abastecem a nosso novo prédio de classificação não estão restritas pelo programa de uma grande força laboral, assim liberando aos coleitores a completamente utilizar tudas as horas pico de coleita durante tuda a safra. Isto é essencial para obter as sementes de alta qualidade que os fazenderos Americanos precisam.”

“Segundo, as classificadoras de espiga de milho Zea da TOMRA nos deram maior flexibilidade com nossos horários de trabalho diários. Tendo simplificado nossas necessidades de mão de obra, eficiências foram criadas com o aumento de horas durante as que podemos operar. Um exemplo desto foi abilitar o delicado processo de secado do grão a um nível óptimo de desempenho ja que agora podemos encher as caixas de secado completamente tudas as noites em vez de poder fazer-lo quando o programa dos trabalhadores permitia,” diz Brad Lauber.

“En nenhuma pate do Mundo existe uma faculdade para estudar o processo de produção de grão de milho para se- mente. A experiência das gerações de nossa família nos ha ensinado cómo fornecer um produto de alta qualidade ao mercado. De outra maneira, não tivessemos ficado no mercado mais de 75 anos." (Brad Lauber, Diretor Presidente da Lauber Seed Farms)